22 de fevereiro de 2023

O HOMEM DA FAIXA.

Tradicionalmente, o eleito para chefiar o Executivo federal recebe o acessório de seu antecessor no parlatório do Planalto. Essa prática foi repetida pelos executivos estaduais e municipais.

Acontece que alguns presidentes de mesa diretora de Câmara Municipal, como no caso de Bacabal, resolveram adotar essa prática.

Não sei se por desconhecimento do cargo ou por vaidade exagerada, o edil tenta usurpar uma tradição que não se aplica ao legislativo. 

Basta procurar se os presidentes das Casas Legislativas federais (Câmara e Senado) usam faixa na posse. 

21 de fevereiro de 2023

CONHEÇA OS DEPUTADOS ESTADUAIS DE BACABAL.

Florêncio Neto PSB

Aniversário: 20/03
Profissão: Advogado

 


Biografia

Raimundo Florêncio Monteiro Neto nasceu em 20 de março de 1987, em Bacabal (MA). É advogado, filho do ex-deputado estadual Carlinhos Florêncio, que exerceu três mandatos na Assembleia Legislativa do Maranhão, e da empresária Jaira Freitas Monteiro.

Casado com a advogada Rafaela e pai de dois meninos: Pedro e José Carlos.

  • Em 2012, elegeu-se vereador de Bacabal pelo PHS, sendo o mais votado com 2.193 votos. 
  • Em 2016, foi eleito vice-prefeito de Bacabal, na chapa de José Vieira Lins, já falecido. 
  • Elegeu-se deputado estadual com 56.100 votos, nas eleições de 2022. 

Foi idealizador do programa ‘Catarata Zero, um novo olhar’. Seu objetivo é ampliar o projeto com a realização de mais mutirões de cirurgias de catarata e pterígio para pessoas de baixa renda, no Maranhão.

Também tem como bandeira a defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes, com ações voltadas à primeira infância, lutando pela criação de creches em tempo integral e a expansão das unidades do ‘Shopping da Criança’. 

Além disso, visa promover iniciativas de fortalecimento da agricultura familiar, aumentar a produção e o desenvolvimento do estado.

Biografia

O deputado estadual Roberto Costa (MDB) chega a seu terceiro mandato no Legislativo maranhense. Na trajetória, o trabalho de quem, no primeiro mandato, consagrou-se como uma das revelações da Assembleia Legislativa após o pleito de 2010.

Filho de Roberto Oliveira (ex-jogador de futebol dos times Sampaio Corrêa, Moto Club e Maranhão Atlético Clube) e de Elza Maria (Procuradora Federal, formada em Direito e Filosofia, militante de movimentos sociais e políticos), José Roberto Costa Santos cresceu no bairro do Codozinho, em São Luís. O parlamentar estudou no Colégio Sousândrade e na Escola Modelo Benedito Leite, época em que ingressou no movimento estudantil e foi eleito Diretor de Imprensa da UMES. Mais tarde, graduou-se em Administração e Gestão de Recursos Humanos.

Roberto Costa trabalhou como Assessor Parlamentar na Assembleia Legislativa do Maranhão e no Senado Federal. Na extinta Gerência Metropolitana, exerceu o cargo de Supervisor de Estruturas Físicas Educacionais. Trabalhou nos Diretórios Estadual e Municipal do PMDB, sempre ao lado do senador João Alberto, líder político do parlamentar, com quem aprendeu a arte da militância partidária, a lealdade a seu grupo político e os princípios da seriedade, honestidade e da transparência com a questão pública.

Em 2009, tomou posse como deputado estadual (suplente) e pouco tempo depois foi convidado, pela então governadora Roseana Sarney, a assumir a Secretaria de Esporte e Juventude (SESPJUV). Durante sua gestão à frente da SESPJUV, Roberto Costa inovou nos 37º Jogos Escolares Maranhense – JEMS, regionalizando as etapas da competição e batendo o recorde de participação de atletas e de municípios.

Na pasta da Juventude, Costa trabalhou na implantação do Projovem Urbano e Trabalhador, beneficiando mais de 35 mil jovens com a qualificação profissional e social. Reativou a Formação de Grêmios Estudantis, além de realizar Congressos, Seminários e Encontros para o fortalecimento da juventude.

Durante o primeiro mandato na Assembleia, Roberto Costa presidiu as Comissões de Educação, Segurança e Orçamento. Destacou-se ainda por ser um grande incentivador do esporte e da cultura, além de conseguir na Justiça, a derrubada dos valores abusivos do IPTU cobrado em São Luís em 2011, assunto de grande relevância para os moradores da capital.

Reeleito com 35.214 votos, Roberto Costa assume a 4ª vice-presidência da Assembleia Legislativa do Maranhão.  Em 2019, já teve dois grandes projetos aprovados e sancionados. A Lei 11.056 de 3 de julho de 2019, que dá prioridade aos portadores de diabetes em filas de órgãos públicos, instituições financeiras e estabelecimentos comerciais. A outra lei sancionada foi a Lei 11.067 de 15 de julho de 2019, que dá equidade salarial entre homens e mulheres que prestarem o mesmo serviço através de empresas contratadas com o Governo do Estado. 








Biografia

Davi Brandão Farias, 25 anos, é engenheiro. Nasceu em 19 de agosto de 1997, em Bacabal (MA). Cresceu no povoado de Bela Vista, naquele município. Foi eleito deputado estadual pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) com 67.392 votos, nas eleições de 2022. Obteve a maior votação (14.492) de deputado estadual da história de Bacabal.

É solteiro e o mais jovem dos deputados estaduais eleitos nesse pleito. É filho de Edvan Brandão de Farias, atual prefeito de Bacabal, e de Ivaneide Brandão de Farias.

Iniciou sua carreira de homem público como secretário municipal de Administração de Bacabal, no período de 2018 a 2022, com apenas 20 anos.

Disputou eleição pela primeira vez. Tem como bandeira política, dentre outras, defender políticas públicas de apoio e valorização da juventude e da educação. É desportista e tem como hobby jogar futebol.

18 de fevereiro de 2023

POLICIAMENTO INTENSIVO NO CARNAVAL.

 15º BPM PARTICIPA DE REUNIÃO REALIZADA PELO COMANDO DO POLICIAMENTO DE ÁREA DO INTERIOR 1 (CPAI-1)

O Diário do Mearim publicou uma matéria sobre o policiamento no carnaval. 

O tema é de fundamental importância para o período e serve como prestação de serviço.

Lei a matéria abaixo. 

A intensificação do policiamento preventivo e ostensivo através do Comando de Policiamento de Área do Interior 1 (CPAI-1), que tem a frente o Coronel PM Túlio, ,  proporcionará mais segurança aos foliões que estiveram nos primeiros festejos de Carnaval na região do Médio Mearim neste sábado (18). 

O Coronel PM Tulio, comandante do CPAI-1, juntamente com a sua equipe esteve reunido com os comandantes de Batalhões na manhã desta quinta-feira(16), onde conferiu pessoalmente todas as estratégias montadas para proporcionar uma melhor segurança aos foliões. 

O Comando do Policiamento de Área do Interior 1 (CPAI-1) é composto por 28 cidades, cortadas por duas Br’s  muito importantes a 316 e 135 em uma área aproximada de 17.943,203  km² e uma população estimada em 556, 577 mil habitantes, daí o planejamento criterioso do comando para o período carnavalesco.

Além do comandante de área, também participaram da reunião o Tenente Coronel PM Duarte, comandante do 39° BPM de Lago da Pedra; o Major PM Araújo, representando o 19° BPM de Pedreiras e os Capitães PM Ferreira, 23° BPM de São Mateus do Maranhão  e Marcone, do 15° BPM que na ocasião representou o comando do Batalhão.

"É um momento de muitas festas e aglomerações, onde o consumo de álcool é droga é inevitável, por isso, todo este planejamento, para que o folião maranhense possa brincar com tranquilidade", disse o Coronel PM Túlio.

17 de fevereiro de 2023

PARABÉNS À ROSILDA ALVES.

 
Hoje é dia do aniversário da Dra. Rosilda Alves, advogada e atual Secretária de Educação de Bacabal. 

Ao lado a homenagem da SEMED.

Deixamos os nossos parabéns e nossa admiração a essa competente profissional .

@rosildaalves.adv

NÃO SÃO BANDIDOS.

 "Simplício faz apelo por ajuda aos trabalhadores maranhenses em Roraima: Não são bandidos!”

Simplício Araújo, Ex-Candidato a governador do Maranhão, usou as redes sociais hoje para fazer um apelo ao governo federal e a ONU, organização das Nações Unidas em nome de trabalhadores maranhenses que estão nos garimpos ilegais próximo ou dentro das terras indígenas Yanomamis. 


Simplício tem recebido pedido de ajuda de maranhenses nos garimpos buscando retornar às suas casas “a grande maioria dessas pessoas não tem dinheiro pra abrir garimpo, foram em busca de trabalho e ainda sustentam famílias inteiras que ficaram no Maranhão, são cerca de três mil maranhenses em Roraima”, ele afirma ainda que muitos foram enganados para irem e estão sendo extorquidos para saírem das áreas de garimpo. 


“A maioria dos garimpeiros já fugiu, o desespero hoje é dos que foram em busca de trabalho e oportunidades, gente que estava trabalhando nas cozinhas, fazendo trabalho braçal e deve inclusive ser apoiada pelo governo federal, pois não tinha contratos ou carteiras assinadas. São 20 mil pessoas, a maioria maranhenses e venezuelanos, o governador do estado não deu uma palavra de apoio ou solidariedade a essas famílias e pessoas, virou as costas e foi fazer turismo na Europa” disse Simplício Araújo.


“Essas pessoas não são criminosas e precisam de acolhimento principalmente numa hora crucial dessas, onde estão largadas a própria sorte, muitos viram um sonho se transformar em pesadelo, ninguém sai do lugar que nasceu e vive se ele lhe dá perspectivas de futuro, mesmo em Roraima eles precisam mais do apoio do governo do Maranhão”. Disse ele. 


Simplício disse que “Admitir em público que o estado está em delicada situação financeira, largar a indicação de um membro do Tribunal de contas do estado, a negociação com os professores e ignorar completamente três mil famílias maranhenses de trabalhadores em Roraima, não é admissível!!! A ida a ONU não vai ter nenhuma importância para a eleição dos lençóis maranhenses, a indicação e defesa é toda de uma Organização Não Governamental, a política que os maranhenses precisam nesse momento é a política de resgate humano e social”.

Fonte: https://www.instagram.com/reel/ConvqDMJRpB/?igshid=MDM4ZDc5MmU=

16 de fevereiro de 2023

PORANDUBAS POLÍTICAS

O DOBRO DE NADA.

Um vereador de Bacabal disse, na abertura da sessão legislativa de 2023 que pretende aprovar um projeto para "dobrar a renda que o agricultor não tem". 

- fiquei me perguntando, quanto seria o dobro pra quem não nada?


A PONTE E O PREFEITO.

Um prefeito foi flagrado nas redes sociais pregando um prego em uma ponte de madeira, em pleno século 21. 

- sabe o que é pior do que a ponte de madeira? É que aquela bendita tábua caiu. Será que o prefeito vai voltar para pregar ?

15 de fevereiro de 2023

DENUNCIA DE IRREGULARIDADE PODE TIRAR O PRESIDENTE DA CÂMARA DE BACABAL.

Eleito irregularmente, vereador Melquíades Reis Vieira Neto PODE PERDER a presidência da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Bacabal.


A denúncia foi feita pelo blog O Observador  do Jornalista Abel Carvalho. 


Melquíades Neto, que abre o ano legislativo neste quarta (15.02.2023) foi escolhido pelos colegas como gestor do poder legislativo bacabalense em sessão que aconteceu em 30 de junho do ano passado, tendo como companheiros de chapa o 1º vice-presidente Anderson Viana (PL), o 1º secretário Reginaldo do Posto (PDT) e a 2ª secretária Nathália Duda (MDB), sendo empossado automaticamente, segundo manda o regimento interno em seu Artigo 14, em 1º de janeiro deste ano.

Neto concorreu contra a chapa encabeçada pelo vereador Feitosa (SD), que teve como companheiros o 1º vice-presidente Serafim Reis (MDB), o 2º vice-presidente Alex Abreu (Republicanos), o 1º secretário Professor Gusmão (SD) e o 2º secretário Maurício Silva (PROS).

O resultado da votação computou 12 votos para a chapa liderada por Melquíades Neto contra 5 votos para a chapa liderada por Feitosa.

Chapa Irregular e eleição ilegal.

O jornalista denúncia que a chapa encabeçada por Melquíades Reis Vieira Neto foi registrada de forma irregular e sua eleição como presidente aconteceu de maneira ilegal.

É que a chapa por ele formada desobece e descumpre ao Artigo 24, da Lei Orgânica do Município (LOM), que determina a que "a Mesa da Câmara se compõe do Presidente, do 1º Vice-Presidente, do 2º Vice-Presidente, do 1º Secretário e do 2º Secretário, os quais se substituirão nessa ordem".

Na chapa composta por Reis falta a figura do 2º vice-presidente, o que a invalida por direito.

Por desconhecimento das divergências existentes entre a Lei Orgânica do Município e o Regimento Interno da Câmara Municipal de Bacabal, Melquíades Reis Veira Neto tornou sua eleição irregular e ocupa ilegalmente, desde o dia 1º de janeiro, o posto "governador" do poder legislativo, ao seguir o ditame do Artigo 10, do regimento, que reza que "a Mesa da Câmara compõe-se dos cargos de presidente, vice-presidente, 1º secretário e 2º secretário, com mandato de 02 (dois) anos, eleitos por votação secreta".

Com a descoberta dessa irregularidade, o Vereador Feitosa, prejudicado com a manobra ilegal, deve recorrer a justiça para anular a eleição.

10 de fevereiro de 2023

VEM BUSCAR MINHA ARMA SEU MERDA.

“ Flávio Dino, vem buscar minha arma, seu merda!” 

Assim o deputado Sargento Fahur (PSD-PR) terminou discurso nesta quinta-feira (9) em evento na Câmara em defesa da indústria armamentista e do direito de o cidadão andar armado.

Não sou contra a defesa de nenhum direito, mas está passando da hora de todos entenderem que xingar não é exercer direito, é falta de educação. E pode ser considerado ofensa à integridade moral de outrem, o que é crime. 

Precisamos zelar pelo decoro, pela educação e pelo direito dos ofendidos. Flávio Dino é um dos mais preparados juristas desse país e não vai deixar barato.

6 de fevereiro de 2023

A NOVA DIREITA OCUPA ESPAÇO.

Tirando os radicais / fanáticos que ocuparam as portas dos quartéis e participaram do fracassado golpe de 8 de janeiro, a direita brasileira ficou orfā com a fuga de Bolsonaro.

Romeu Zema, governador de Minas Gerais, busca ocupar o vácuo de Bolsonaro. Para se consolidar como nome forte contra o candidato de Lula (ou o próprio Lula) em 2026, Zema não perde uma oportunidade de bater no PT e no novo governo.

O governador irritou o presidente ao afirmar que Lula fez “vista grossa” para a invasão às sedes dos Três Poderes:

“Me parece que houve um erro da direita radical, que é minoria. Houve um erro também, talvez até proposital, do governo federal, que fez vista grossa para que o pior acontecesse e ele se fizesse, posteriormente, de vítima”, disse o governador.

Se cedo ou não, o fato é que foi dada a largada para a eleição de 2026 e o concorrente é o governador do terceiro maior colégio eleitoral do país e já parte com 6 milhões de votos na sacola. 

5 de fevereiro de 2023

COTAS E DIVERSIDADE.

 Fonte:Revista Isto é.
















No Brasil a maior parte de comunidades pobres são de raças negras, isso acontece por conta dos tempos de escravidão.

A politica de cotas presume que temos um débito com as raças negras e, por isso, temos que compensar essa conta.

Cidadãos pretos são minorias em escolas, pois aquelas crianças que não estudam estão trabalhando para ajudarem os pais financeiramente por conta da não credibilidade dos negros em empresas. 

As cotas raciais é a única forma de representar para a sociedade racista que todos são iguais e merecem estudar para terem um bom desempenho capitalista.

4 de fevereiro de 2023

ACESSO AO CRÉDITO.

 Acesso a crédito foi a maior dificuldade das pequenas indústrias em 2022, diz CNI.

Fonte: CNN Brasil

Dados do Panorama da Pequena Indústria (PPI) divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) nesta segunda-feira (30) mostram queda nos quatro indicadores que analisam a atuação das micro e pequenas indústrias brasileiras no último trimestre de 2022: desempenho, situação financeira, confiança e perspectiva.

Entretanto, apesar da retração, os indicadores se mantiveram acima da média histórica. Além disso, entre os principais problemas nos últimos meses do ano passado, empresários relataram insatisfação com acesso ao crédito e com a taxa de juros.

Segundo a analista de Políticas e Indústria da CNI, Paula Verlangeiro, o recuo nos últimos três meses de 2022 foi uma questão sazonal e, ainda assim, foi mais brando que o observado na média histórica do período. “Essa queda ocorreu após um terceiro trimestre de desempenho positivo para a pequena indústria”, aponta.

2 de fevereiro de 2023

A NARRATIVA VENEZUELANA - O PRESIDENTE DESTITUÍDO SEM TER ASSUMIDO.

Durante todo o governo Bolsonaro se mirou na Venezuela como um exemplo de má gestão da esquerda.


Vou mostrar uma outra versão para sua reflexão.


A quatro anos atrás a oposição venezuelana decidiu instalar um “governo paralelo” e proclamar Juan Guaidó “presidente interino”,  na tentativa de destituir Nicolás Maduro.


Na tentativa de desestabilizar Maduro, os EUA e a União Europeia, como se jogassem Banco Imobiliário, entregaram a Guaidó a administração de bilhões de dólares pertencentes ao país, decisão que aprofundou a crise humanitária, ao lado das duras sanções econômicas. Mas é evidente que a ditadura de Maduro não pode ser isentada de responsabilidade e não se pode apagar todas as mazelas de um regime autoritário, mas pode explicar como um país extremamente rico, com imensas reservas de petróleo, não consegue superar uma crise financeira.


E QUEM É O PRESIDENTE DA VENEZUELA?


Para a surpresa geral, os principais partidos opositores do chavismo decidiram “destituir” Guaidó, incapaz de se firmar como uma opção real de poder e em baixa entre os eleitores (sua aprovação desde 2019 caiu de 60% para 20%). 


O “impeachment” coincide com o fim de mandato de Jair Bolsonaro no Brasil, último apoiador do “governo paralelo” nas Américas. Antes dele, saíram de cena os outros três pilares da aventura: Donald Trump, nos Estados Unidos, Mauricio Macri, na Argentina, e Iván Duque, na Colômbia. 


Infelizmente, o faz de conta custou caro aos ve- nezuelanos. 


 Entre os objetivos diplomáticos de Lula está a reincorporação da Venezuela nos acordos sub-regionais, o que só é possível se os vizinhos aceitarem as regras democráticas. Na virada do ano, o presidente Maduro fez um aceno a Joe Biden: declarou-se pronto a retomar as relações diplomáticas com os EUA. 

1 de fevereiro de 2023

FORÇA DA MULHER NEGRA.

Procuradora do Município do Salvador é primeira mulher negra a assumir presidência da associação nacional da categoria.

Posse solene de Lilian Azevedo será dia 1º de Fevereiro em Brasília.




A procuradora do Município do Salvador Lilian Azevedo é a primeira presidente mulher negra a assumir a presidência da Associação Nacional dos Procuradores Municipais (ANPM). A cerimônia de posse do corpo diretivo liderado pela baiana acontece em Brasília na próxima quarta, 1º de Fevereiro, no auditório do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, às 17h. 

A assembleia que registrou a eleição da nova diretoria aconteceu nesta quinta, 26, de forma remota, com a presença dos membros que assumem o 13º mandato da gestão da ANPM, no biênio 2023/2025. Lilian substitui o procurador de Recife Gustavo Machado Tavares, que se despediu dos associados ressaltando, em sua fala, a sorte de a carreira ter um movimento associativo forte, com membros atuantes, que trabalham pela classe a qualquer tempo. “Será uma honra entregar essa missão para duas mulheres nordestinas, fortes, e uma mulher negra, no ano em que a ANPM completa 25 anos. Um sinal de sua maturidade institucional”, disse o ex-presidente referindo-se também à vice-presidente eleita, Ana Karole Fontenele, de São Luís/MA. 

Em sua fala durante a assembleia, Lilian reforçou o compromisso com o crescimento qualitativo dos municípios e da carreira no cenário nacional, agradecendo ao ex-presidente pelo incentivo e sensibilidade. “A ANPM agora passa a fazer parte das minhas manhãs, tardes e noites. Estarei dando o meu melhor, e dedicada a fazer nossos municípios mais fortes”.

Especialista em Direito Municipal e Processual, Lilian é procuradora do município do Salvador desde 2011, foi procuradora do município de Aracaju entre 2006 e 2009, é advogada com experiência no Terceiro Setor, atual vice-presidente da Associação dos Procuradores do Município do Salvador, assumiu a vice-presidente da ANPM no biênio 2021-32023, é coordenadora das representações na Procuradoria Geral do Município do Salvador. Foi secretária municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza nos anos de 2017 a 2019. Integra o Comitê de Combate ao Racismo Institucional da Prefeitura de Salvador desde 2016 e a Comissão Especial de Direito do terceiro Setor da OAB/BA.



















MP INVESTIGA ❓

GAECO NÃO CHEGA EM BACABAL.  Já faz algum tempo o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) deflagrou a Operaç...