terça-feira, 28 de setembro de 2021

MAIS UM PASPALHÃO A FAZER PASPALHICES.

O Ministério da Saúde retirou  adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades da lista de grupos cuja vacinação contra a covid-19 é recomendada. 

Adivinhem de quem foi a ideia ❓

Em transmissão nas redes sociais, o ministro Marcelo Queiroga confirmou que o presidente Jair Bolsonaro pediu a reavaliação e o paspalho do ministro logo suspendeu a vacinação, sem qualquer critério técnico/científico.

Parece até cidade do interior onde um prefeito analfabeto diz para advogados como fazer a defesa, engenheiros como fazer as obras e médicos como atender melhor um paciente. Viramos uma república de bananas.

 A decisão da pasta foi criticada por especialistas e pelos Conselhos Nacional de Secretários Municipais 

de Saúde (Conasems) e Nacional de Secretários de Saúde (Conass). A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) manteve a liberação do imunizante da Pfizer para essa faixa etária., mas a confusão já está feita. 

É mais uma cortina de fumaça de Bolsonaro a alimentar a alienação de seus “Ceguidores”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui. Sua opinião é importante e ajuda a formar a consciência coletiva.

O SENADO TEM PODER PARA NÃO ACEITAR O MINISTRO DO STF ?

  Contra Alcolumbre, senadores querem retirar sabatina de André Mendonça da CCJ Senadores que apoiam a indicação de André Mendonça para o Su...