20 agosto 2020

MEU GRUPO É BACABAL.

O advogado Expedido Junior está sendo bombardeado por ser uma liderança politica em ascensão. Já desponta como única alternativa viável para combater o grupo João Alberto em Bacabal. 

Daí a pergunta de muitos:  Em qual grupo político ou lado você está? 

 “Não me prendo a essas regras, divisões, é claro que para ser candidato você precisa de apoio de pessoas, grupos e agradeço a todos”, disse o advogado.

Expedido afirma que sua formação o conduz a pensar no município como um todo, no geral, sem fazer distinção, nem de credo, nem de posição social, nem de lado. Para ele, passou a eleição, passou tudo. 
  “Nunca fiz distinção de ninguém na minha vida, procuro ser amigo de todos. Minha história de vida e exemplos de meus pais, também me levam a ser assim. Meu grupo é Bacabal”. 

DAS REDES SOCIAIS DE Expedito Júnior 
 https://www.instagram.com/p/B_xkOhdHH0m/?igshid=51e33jasykjo

19 agosto 2020

REJEIÇÃO DE QUASE 60 % DEIXA EDVAN LONGE DA REELEIÇÃO.

Depois que o Coronel Egídio anunciou que vai fazer uma aliança as especulações não param e certamente mudará os rumos das eleições em Bacabal. 



A chapa mais provável, com a possível união, seria do advogado Expedito Júnior para prefeito e o vereador Coronel Egídio para vice.
 

Na última pesquisa realizada pelo IPAM, registrada no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), com a matrícula MA-07976/2020, mostra que a eleição em Bacabal será polarizada entre o grupo de João Alberto e a oposição, já que mostrou que a soma dos dois pré-candidatos registra um empate técnico com o atual prefeito de Bacabal.

A pesquisa mostra Edvan com 41% de intenção de voto. Mostra um grupo grande de apoio, mas que tem 58,5% da população que não quer de forma alguma a reeleição do prefeito. Quase 60% de rejeição torna impossível a reeleição do prefeito. É uma questão de estatística.

Com a possível união a população certamente terá em Expedito e Egidio o caminho que busca para a renovação política em Bacabal.

18 agosto 2020

CADASTRAMENTO DE PRODUTORES CULTURAIS E ARTISTAS.

SECRETARIA DE CULTURA DE BACABAL COMEÇA CADASTRAMENTO DE PRODUTORES CULTURAIS E ARTISTAS

Com informação da Assecom;

A Secretaria de Cultura de Bacabal informou que vai dar início no dia 19 de agosto ao cadastramento e recadastramento de agentes culturais, artistas produtores culturais e espaços culturais.

Até agora não entendi muito a expressão  - recadastramento - pois procurei no site da prefeitura e não consegui acessar nenhum cadastro de artistas. Mas tudo bem, não falta só isso no portal.  

No edital a Secretaria convoca “artistas, produtores, técnicos, curadores, oficineiros, professores de escolas de arte e os representantes dos Movimentos Culturais, denominados Espaços Culturais, com ou sem fins lucrativos, de todas as áreas de atuação da nossa cultura (cultura popular, cultura afro-brasileira, cultura erudita, cultura de identidade, produção e economia e cultura de massa) para realizarem o cadastramento.

Eu imaginei que o cadastro fosse para a habilitação dos trabalhos que poderiam receber o auxilio emergencial da cultura repassado pelo Governo Federal, mas nada foi dito a respeito. A secretária de Cultura, Marcela Ferreira explica: 






O Edital e os formulários necessários para o cadastramento não foram localizamos no site da prefeitura, mas podem ser acessados AQUI.

ESTAMOS A DISPOSIÇÃO  DA SECRETARIA DE CULTURA PARA OUTROS ESCLARECIMENTOS. 

17 agosto 2020

MORRE PÉRICLES AUGUSTO.

 

Não costumo fazer notas de falecimentos, mas gostaria de deixar uma homenagem póstuma a um amigo que faleceu na madrugada deste domingo dia 16 de agosto de 2020.


Péricles Augusto faleceu aos 59 anos, destes, quase 30 anos foram dedicados à criação e reprodução de obras em óleo sobre tela. 

Péricles era um artista inquieto, observador e criativo, suas telas retratavam momentos simples da vida do nosso povo dando ênfase a paisagens construídas pelo homem como casas, sobrados, praças, ambientes naturais modificados pelo homem.

Descanse em paz meu amigo. Você agora tem todo o céu como tela.


Informações e fotos do Diário do Mearim.

16 agosto 2020

BATE BOCA NO HI SOCITY.




Mulher que quebrou obra de Romero Britto diz que ele exigiu silêncio e pediu desconto.

*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 27.03.2014: O artista plástico Romero Britto durante a inauguração da Loja da sua loja, no Shopping Eldorado, em São Paulo (SP). (Foto: Bruno Poletti/Folhapress)

O artista plástico Romero Britto durante a inauguração da Loja da sua loja, no Shopping Eldorado, em São Paulo (SP). (Foto: Bruno Poletti/Folhapress)

Romero  Britto é um dos mais conceituados artistas plásticos da atualidade. Nasceu  no Recife, Pernambuco, no dia 6 de outubro de 1963. Começou seu interesse pelas artes na infância, quando usava sucatas, papelões e jornais para exercitar a sua criatividade. Romero Britto também começou nessa época a usar a grafitagem, o que foi de grande influência em seu trabalho. Iniciou o curso de Direito na Universidade Católica de Pernambuco, mas depois viajou aos Estados Unidos e lá se estabeleceu como artista de sucesso.


O artista virou notícia, mas não por sua arte. Um vídeo viralizou não internet com uma mulher quebrando uma obra sua. Daí começaram falas de lado a lado.

 A mulher que quebrou uma obra de Romero Britto, na frente dele em Miami (EUA) explicou que era um protesto, antes de destruir o objeto, avaliado em US$ 4.800 (cerca de R$ 25,9 mil).

Outro vídeo mostra ela falando com o artista plástico brasileiro momentos antes do incidente, começou a circular na internet após a filmagem de Faye Pindell, funcionária da galeria de Britto, viralizar.

"Sr. Britto, boa tarde. Sou a dona do restaurante Tapelia, que fica na frente da sua loja", apresentou-se. "Meu marido veio aqui e comprou para mim esta obra de arte para o meu aniversário. Porque eu colocava você num pedestal e o admirava como artista." 
"Considerava você um homem respeitável, mas me equivoquei", disse ela a um Romero Britto atônito, que tentou assinar o objeto. "Não quero que assine nada", negou ela, ríspida. 
"Você foi ao meu restaurante, reservou uma mesa para 20 pessoas para tomar café da manhã ao preço de US$ 8 (cerca de R$ 43), que é barato, e ainda pediu desconto", reclamou então. "Você humilhou meus funcionários, pediu que eles tirassem a música e pediu que eles não falassem, porque senão o senhor não iria mais." 
"Isso foi humilhante", avaliou. "Para uma pessoa honesta e respeitável, você carece de humildade. Então eu lhe exijo que nunca mais vá ao meu restaurante, nem ofenda aos meus funcionários. Nunca mais."

Só no final do discurso é que ela jogou a obra no chão.

Na web, o assunto virou um dos principais tópicos no Twitter. Internautas reagiram ao momento inusitado e fizeram diversos memes da situação. "Quero ser amiga dessa mulher", escreveu um usuário da rede social. "Certeza que o Romero Britto vai lançar um quebra cabeça dessa obra custando R$ 799", sugeriu o influenciador Felipe Neto.

High society é uma expressão em inglês que significa “alta sociedade”, na tradução literal para a língua portuguesa.



15 agosto 2020

Michelle Bolsonaro chama primo de "merda".

Após morte da avó, Michelle Bolsonaro chama primo de "merda" e diz que vai processá-lo por postagem

Foto: REUTERS/Adriano Machado
Foto: REUTERS/Adriano Machado

Eduardo D`Castro, primo de Michelle Bolsonaro, acusou a primeira-dama de não ter feito nada para ajudar a avó, Maria Aparecida Firmo Ferreira, que morreu de Covid-19 nesta quarta-feira (12). A Idosa ficou internada por mais de um mês no Hospital Regional de Ceilândia (HRC). Os primos tiveram uma discussão tensa exposta nas redes sociais.

"Obrigado por você não ter feito absolutamente nada por nossa avó. Tanto poder, tanta influência e por vergonha, sim, vergonha, não ajudou seu próprio sangue. Você ajuda tantas pessoas, participa de tantos projetos pra ajudar os outros e sua própria família, você vira as costas. Triste ver quem você se tornou. Não reconhecemos mais você", escreveu Eduardo D’Castro em mensagem para a primeira-dama em conversa que o próprio primo revelou.

Em sua réplica, Michelle Bolsonaro demonstra irritação com as acusações do primo, a quem chama de “falso”, além de ameaçar processar o familiar.

“Vou te processar por essa postagem. Acho melhor você rever sua postura em relação a essa postagem. Deixa de ser cretino. Você não é o rico da internet? Cuidado com as suas postagens, seu moleque. Você nem gostava da vó. Seu falso. Seu merda. Cuidado!”, escreveu

14 agosto 2020

CORONEL EGÍDIO AFIRMA QUE ESTÁ FAZENDO UMA ALIANÇA.

 

O vereador Coronel Egídio é pré candidato a prefeito e foi apontado por uma pesquisa como tendo 24% de intenção de voto dos eleitores de Bacabal.

Político de posição firme e temido pela ala governista por não participar de conchavos, anunciou em suas redes sociais que está "formando uma aliança com o objetivo de combater a corrupção e o enriquecimento ilícito".

Esse anúncio acende a esperança do povo na formação de uma chapa forte contra Edvan Brandão e sua claque.

Vejam o que disse o coronel:

"Bom dia, meus amigos! Vocês conhecem meu caráter e minha personalidade, a política tem que ser feita com responsabilidade, compromisso e respeito a sociedade. 

Estamos formando uma aliança com o objetivo de combater a corrupção e o enriquecimento ilícito, pois isso é o câncer da sociedade. Lutar contra essa máquina não será fácil, mas temos Deus no coração e muitas pessoas de bem que acreditam em nosso trabalho. 

Temos que trabalhar com números (pesquisas), que irão indicar quem será o prefeito e o vice-prefeito. _Atenciosamente Vereador Coronel Egídio._"

AGORA RESTA AGUARDAR O ANÚNCIO PARA SABER COMO SERÁ ESSA CHAPA DE OPOSIÇÃO.


*claque
[claque]
SUBSTANTIVO -
  1. grupo de espectadores aliciados ou combinados para aplaudir ou vaiar determinado espetáculo ou intérprete

12 agosto 2020

NOVA LIDERANÇA FEMININA COM EXPEDITO JÚNIOR

 Dra. ÉRICA MICHELE tem se destacado na politica bacabalense. Jovem advogada, tem sido muito bem aceita como liderança política nos bairros da sede e agora, com a adesão ao grupo de Expedito Junior, tem ampliado sua atuação e a zona rural começa a reconhecer seu nome como a mulher que propõe mudar o cenário legislativo.

Sempre atenta as causas sociais ela gosta de dedicar seu tempo a visitar a população.


Nas fotos, no Povoado São José das Verdades, visita à lider comunitária, dona Raimunda. 

D. Raimunda e sua familia declararam apoio total a Dra. Érica Michele e afirma: 



"tô com Erica e não abro. Érica Tem Trabalho pra mostrar." 

11 agosto 2020

VOCÊ JÁ OUVIU FALAR EM GARIMPO DE ÍNDIO ?

Você já ouviu falar em  garimpo de índio? Segundo o Ministro do Meio Ambiente, conhecido como "passar a boiada" são os índios que querem garimpar em suas terras. Ele disse: 

“Os indígenas têm o direito de escolher como querem viver. Têm direito de escolher fazer várias atividades, dentre elas o garimpo, seguindo a lei ambiental."
Será mesmo que o ministro acredita nisso como um projeto ou mais uma vez quer fazer o povo de bobo? e será que ele pensa que vai aprovar regularização de garimpo para índio?

É só regularizar para as grandes empresas exploradoras entrarem na área. 

Ele ainda fala em tom indignado, como se defendesse os índios:  "Pare de fazer de conta dessa história que os indígenas não querem garimpar, não querem produzir lavoura, como se isso fosse uma verdade absoluta”, declarou Salles.

O ministro também afirmou que é necessário legalizar a atividade de uma forma que não cause a devastação observada na terra Munduruku.

 A atividade ilegal é realizada por meio de retroescavadeiras, sendo muito prejudiciais ao meio ambiente, visto que destroem rapidamente os igarapés e rios da região, devastando margens, despejando toneladas de resíduos e alterando os cursos d’água.  


Então está na hora do ministério público buscar explicações sobre o combate aos garimpos ilegais. Já que o Ministério do Meio Ambiente reconhece o prejuízo ambiental da exploração clandestina em terras indígenas, o que está fazendo para combater ?

A não ser que queira fazer o povo acreditar que que os índios são os donos das retroescavadeiras.

08 agosto 2020

O POMAR DE BOLSONARO.

O governo Bolsonaro parece um pomar, está cheio de laranjas 🍊, bananas 🍌 e abacates 🥑. 


Tem interino que é laranja, tem nas relações exteriores que é banana e no gramado do planalto tem povo que é abacate.


Esse pomar é regado todo dia pela verborragia presidencial.

07 agosto 2020

CRIADOR DA LEI DA FICHA LIMPA SUJOU A MÃO ?

 O ex juiz Marlon Jacinto Reis (Partido Rede Sustentabilidade) ficou mais conhecido por ter sido o criador da Lei da Ficha limpa, mas entrou para a política e concorreu ao cargo de governador do estado do Tocantins nas eleições de 2018.

A notícia atual e pitoresca é que a prestação de contas da sua candidatura foi rejeitada pelo TRE TO no processo (PJe nº 0600949-86.2018.6.27.0000). Todos os membros da Corte acompanharam o voto da relatora do processo, juíza Ângela Issa Haonat.

Conforme a relatora, irregularidades graves comprometeram a confiabilidade e transparência das contas, como:

  • ausência de documentos na prestação de contas final, relativos à dívidas assumidas pelo partido político (art. 56, Resolução TSE n. 23.553/2017); 
  • incompatibilidade entre a substancial variação dos saldos da prestação de contas retificadora e a prestação de contas anteriormente recebida pela Justiça Eleitoral em relação às justificativas apresentadas, sem amparo legal (art. 74 da Resolução TSE n. 23.553/2017); e 
  • existência de dívida de campanha, no total de R$ 751.898,32, sem indicação da fonte dos recursos que serão utilizados para a quitação do débito assumido. 
  • Do total anteriormente mencionado, para R$ 705.293,24 não consta também acordo expressamente formalizado pelo partido (origem e valor da obrigação, dados e anuência dos credores), cronograma de pagamento e quitação que não ultrapasse o prazo fixado para a prestação de contas da eleição subsequente para o mesmo cargo (art. 35 da Res. TSE n. 23.553/2017).
Como se vê, a prestação de contas de campanha não é muito fácil de se prestar. 
Ou o seu criador errou na mão quando fez a lei ou passou a mão na grana.

06 agosto 2020

NO CENTRO DAS ATENÇÕES.

Felipe Neto já foi condenado por espalhar ‘fake news’; entenda

Um dos maiores comunicadores virtuais da nova geração, Felipe Neto passou a ser alvo da milícia digital Bolsonarista e vai ter que controlar a língua ou coçar o bolso. 

Justiça recentemente ordenou o youtuber a pagar indenização por danos morais

felipe neto - fake news - youtuber - funai - justiça

Felipe Neto: vítima de fake news, mas condenado por… espalhar fake news | Foto: REPRODUÇÃO/YOUTUBE

Alçado a exemplo de vítima de fake news por autoridades, inclusive pelo presidente da Câmara dos Deputados, mas recentemente condenado por disseminar conteúdo classificado como boato, notícia falsa. Assim pode ser definido o youtuber Felipe Neto.

Em junho, o influenciador digital teve decisão desfavorável no Poder Judiciário. Isso porque a juíza de Direito Giselle Rocha Raposo, do 3º Juizado Especial Cível de Brasília, condenou o “comunicador” a indenizar em R$ 8 mil o presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Marcelo Augusto Xavier da Silva.

De acordo com a magistrada, o youtuber foi além de emitir mera opinião a respeito do trabalho — e da vida pessoal — de Silva na época em que ele foi nomeado por Bolsonaro para comandar a Funai, em 2019. Na ocasião, Felipe Neto usou o Twitter para fazer as seguintes acusações contra Silva, conforme lembraram as autoridades:

  • “Bolsonaro anunciou o novo presidente da FUNAI (Fundação Nacional do Índio) O sujeito já ajudou invasores de terras indígenas, foi reprovado em prova da PF por problemas psicológicos e AGREDIU O PAI IDOSO COM UM MURRO NA CARA”;
  • “Jair Bolsonaro odeia os indígenas e nunca escondeu isso, mas colocar um sujeito com problemas mentais e que JÁ AJUDOU INVASORES DE TERRAS INDÍGENAS pra ser presidente da FUNAI vai além de todos os limites da perversidade humana. O cara é podre por dentro”.

JURA FILHO DECLARA APOIO A TAUARI NETO. declara apoio à pré-candidatura de Tauari Neto

Ex-deputado Jura Filho declara apoio à pré-candidatura de Tauari Neto

Por: Redação Cuxá

Em ano de eleição, o cenário político de Bacabal tem novos nomes em destaque e pré-candidatos apoiados por lideranças já conhecidas pelos eleitores. Um desses nomes é o de Tauari Neto, sobrinho da ex-vice-prefeita Taugi Lago e do falecido Jurandir Lago, chefes de uma das famílias mais conhecidas e respeitadas no município.  

A equipe do Cuxá esteve na casa da família Lago, onde foi anunciada a pré-candidatura de Tauari Neto, ao cargo de vereador. Na oportunidade também conversamos com o ex-deputado Jura Filho, que expôs sua visão sobre os eventos que circundam a política nos últimos meses.    

“O cenário político nacional vive momento de inquietação por conta dessa pandemia que vivemos, e a incerteza de como nós poderemos conduzir essa eleição. A política é feita andando e conversando, o contato direto com o eleitor é fundamental! Acredito que nós teremos algumas mudanças no comportamento político, e também tenho certeza que o eleitor saberá escolher o candidato que melhor lhe representa”, afirmou Jura Filho.

Nascido e criado em terras bacabalenses, Tauari manifesta a veia política de sua família, já que esteve à frente de ações municipais quando atuou como Secretário de Obras do município onde teve maior contato com a comunidade e conheceu suas necessidades. Recebeu total apoio de sua família, que aposta em sua disposição e conhecimento para atuar na frente política.      

A gente vem no propósito do novo, da mudança, de realmente conhecer os problemas de Bacabal. Como o Jura Filho falou, minha subida veio gradativamente. Sou sobrinho da Taugi e do Jurandir, olha a carga a carga política que nós temos! A responsabilidade aumenta muito, porque a gente  vindo de uma herança política de seriedade e honestidade, uma longa história   de respeito ao povo de Bacabal”, declarou Tauari Neto.

----------------------------------------------------------------------------------

A família Lago é conhecida por sua liderança política e atuação no estado do Maranhão. O patriarca já falecido Jurandir Lago, foi prefeito de Bacabal de 1990 a 1992, e sua esposa Taugi Lago ocupou o cargo de vice-prefeita durante a gestão de Dr. Lisboa. Jura Filho já esteve como vice-governador do estado, além de ser eleito quatro vezes deputado estadual. 

05 agosto 2020

ELEIÇÕES 2020.

Domingos Júnior é lançado pré-candidato a prefeito de São Mateus.


empresário Domingos Júnior, ex-presidente da Federação das Associações Empresariais do Maranhão (Faem), foi oficializado pelo Solidariedade pré-candidato a prefeito de São Mateus, município de onde já foi vice-prefeito e onde considerado uma das mais influentes lideranças, tanto pelas ações como empreendedor quanto no campo da política.

O partido tem um grupo de vinte pré candidatos a vereador e uma militância bem organizada, o que motiva o empresário a se engajar mais ainda nesse projeto, pois sente que todos estão sintonizados com sua candidatura.


Domingos Júnior diz que o sentimento da população de São Mateus é de muito expectativa e desejo de ter um nome que transmita confiança e que possa disputar a eleição em pé de igualdade com os candidatos tradicionais.

04 agosto 2020

UMA SAÍDA PARA O FIM DO PROGRAMA EMERGENCIAL DE MANUTENÇÃO DO EMPREGO E DA RENDA.


O governo federal já está em fase final de um plano de manutenção do emprego, uma saída para o fim do Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (instituído pela MP 936). O programa emergencial permite a suspensão de contratos e a redução de salários e jornadas de trabalho por até quatro meses até o fim da pandemia.

Ou seja, as empresas que já usaram o benefício pelos quatro meses desde a edição da MP podem ficar sem acesso ao benefício no final de julho, caso tenham aderido pelos quatro meses seguidos. Empresas que ainda não usaram o tempo total do benefício têm até o fim da calamidade, pelo decreto atual até 31 de dezembro, para suspender contratos e reduzir jornadas e salários.


Para socorrer as empresas mais afetadas pela pandemia do novo coronavírus, o governo federal corre para lançar nos próximos dias um novo plano de manutenção do Emprego. Ainda não se sabe se será um programa permanente ou por um período pré-determinado.  

03 agosto 2020

O Brasil elegeu um presidente e recebeu um eterno candidato.

O que o presidente deveria estar fazendo:

-Coordenando o combate à pandemia
-Defendendo a Lava Jato
-Trabalhando nas reformas estruturais e nas privatizações
-Dialogando com o Congresso, sem "toma lá da cá"

O Brasil elegeu um presidente e recebeu um eterno candidato.

Por João Amoedo, no Twitter.

02 agosto 2020

EDVAN BOICOTA PROJETO DO VEREADOR CORONEL EGÍDIO.


O Vereador Coronel Egidio cobra o Requerimento referente ao Programa “Meu Primeiro Emprego”, onde este tem o objetivo de contribuir com os jovens Bacabalenses no que se refere a sua inserção produtiva no mercado de trabalho. 

O vereador diz:
O PROJETO MEU PRIMEIRO EMPREGO DE AUTORIA DO VEREADOR CORONEL EGÍDIO, APROVADO NO DIA 19/09/2018 (1 ANO E 10 MESES), NUNCA FOI EFETIVADO NA CIDADE DE BACABAL PELO PREFEITO MUNICIPAL. 

O projeto é de grande relevância, já que dispomos de grandes comércios e empresas que poderão se adequar e fazer parte desse projeto em Bacabal. ​

Dando uma pista de seu futuro político, Egídio afirma:

“SE DEUS QUISER EM UM FUTURO BEM PRÓXIMO, VAMOS COLOCAR EM PRÁTICA ESSE PROJETO TÃO IMPORTANTE PARA NOSSA SOCIEDADE (GERAÇÃO DE EMPREGO E RENDA E, OPORTUNIDADE)”. 

O objetivo principal do projeto é estimular a abertura de novos postos de trabalho destinados aos jovens bacabalenses permitindo ao município poderá firmar parceria com empresas que poderão deduzir o investimento dos seus impostos.

Esse projeto vai beneficiar diretamente as famílias de baixa renda lhes possibilitando inclusão social, sendo também uma forma das empresas fazerem o seu marketing social e o cumprimento das suas obrigações tributárias. Todo projeto será coordenado pela Secretaria Municipal de Emprego e Renda do Município de Bacabal.