terça-feira, 31 de março de 2020

LULINHA PAZ, AMOR E IGREJAS ⛪️

Como em tudo que faz, oportunisticamente,Lula usou a Igreja Católica para se fortalecer politicamente.
Antes e depois de sua eleição Lula  cooptou religiosos importantes na teologia da libertação, como Frei Betto e Leonardo Boff.  Até seu irmão mais velho acabou virando Frei Chico. Um frei de meia tigela, pois nunca foi religioso.

Evangélicos 

Agora, com o catolicismo em baixa, Lula tenta atrair os evangélicos. Determinou que o PT crie núcleos para acolher pastores e seus seguidores. 

Diz que na cadeia passava o tempo assistindo a programas das igrejas evangélicas na TV e descobriu que eles falavam o que as pessoas queriam ouvir. 
“A direita chegou primeiro do que nós”, disse Lula.


Fonte: Revista Isto é.

domingo, 29 de março de 2020

A arte ou desastre. A sina de Porcina.

Com uma carreira consagrada de mais de 50 anos, a atriz Regina Duarte (73) acaba de assumir o papel mais desafiador de sua trajetória: o de secretária especial de Cultura. 
A eterna Namoradinha do Brasil aceitou o convite do presidente Jair Bolsonaro (64), feito em 17 de janeiro. Quarta a assumir o cargo desde o início do governo, ela tomou posse em  uma cerimônia no Palácio do Planalto, na capital federal, usando um vestido preto de bolinhas brancas e um blazer branco. 

O tom do discurso de Regina foi a pacificação entre as classes. “Uma cultura forte consolida a identidade de uma nação. A cultura é um ativo que gera emprego, renda, inclusão social, impostos, acessibilidade e educação. E é nisso que acreditamos. Meu propósito aqui é pacificação e diálogo permanente com o setor cultural, com Estados e municípios, com o Parlamento e com os órgãos de controle”, afirmou ela.

Apesar do discurso, acredito que será difícil para a atriz/ministra fazer o núcleo militar e o chamado “gabinete do ódio” entender que a cultura de um país é a sua alma, seu passado, seu presente, seu futuro.

Vou pegar o discurso da ministra para reafirmar que a “cultura é um direito de todos” e se é “uma ponte que nos leva à conquista de um sentimento de pertencimento” a nossa Porcina precisa provar que não é uma escola de petralha, como dizem os olavistas de plantão.

sábado, 28 de março de 2020

OPINIÃO DE VALOR - Andor Stern.

O engenheiro Andor Stern carrega, uma história terrível: é o único brasileiro nato ainda vivo que sobreviveu ao Holocausto, a matança de 6 milhões de judeus na Segunda Guerra Mundial. 

Hoje está muito preocupado com o aumento do antissemitismo e com o avanço da extrema-direita no mundo, inclusive no país de seus antepassados, a Hungria. “O momento é complicado. 

Um cara como o Trump é perigosíssimo. Ele incita a violência”, disse Stern em entrevista à ISTOÉ. 

Quanto a Bolsonaro, disse:

Ana Hickmann relata sintomas provocados pelo novo coronavírus.


A apresentadora mostrou que está com os olhos inchados e lábios ressecados, além de permanecer tomando antitérmico, usando álcool em gel e máscara de proteção quando necessário. Ana explicou que ainda não fez o teste de diagnóstico da covid-19 porque não está com um quadro grave e, por isso, não precisa.

“Conversando com meu médico, tomei a decisão de me isolar, ficar quietinha aqui em casa, me cuidando com as orientações dele, me hidratando bastante, apesar de todo meu mal estar, ficar longe do meu marido, do meu filho. Mas não quero tirar o lugar de quem realmente vai precisar do exame, de um leito de hospital, de uma atenção especial. Eu não estou precisando", disse.


 Com calma e responsabilidade a apresentadora dá exemplo de civilidade. Ela elogiou os profissionais de saúde que têm trabalhado no atendimento aos doentes e pediu que as pessoas levem a sério as recomendações de isolamento. "Amor e respeito é se afastar de todo mundo agora."

sexta-feira, 27 de março de 2020

R$ 55 bilhões para enfrentar emergência do coronavírus.



BNDES injeta R$ 55 bilhões para enfrentar emergência do coronavírus

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai injetar R$ 55 bilhões na economia brasileira, para contribuir com a contenção da pandemia do novo coronavírus. As medidas socioeconômicas de execução imediata foram aprovadas em caráter emergencial e anunciadas hoje (22) pelo presidente do banco, Gustavo Montezano, em transmissão ao vivo pelo Youtube para jornalistas.
Serão quatro medidas com duração de seis meses: R$ 20 bilhões virão da transferência de recursos do Fundo PIS-PASEP para o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), a ser gerido pelo Ministério da Economia; R$ 19 bilhões da suspensão temporária de pagamentos de parcelas de financiamentos diretos para empresas, tanto o principal quanto os juros, chamada de standstill; R$ 11 bilhões em standstill de financiamentos indiretos para empresas; e R$ 5 bilhões com a ampliação do crédito para micro, pequenas e médias empresas por meio dos bancos parceiros.
“Nós estamos ampliando a nossa oferta de crédito para pequena e média empresa. Da micro a empresas com até 300 milhões de faturamento anual poderão ter acesso ao Capital de Giro BNDES, via repassador financeiro. O banco tem esse caixa disponível, financiando em até 5 anos, com 2 anos de carência, e o limite máximo é de R$ 70 milhões para cada tomador”.
Montezano explicou que as medidas apoiam o trabalhador de forma direta, com a possibilidade de novos saques do FGTS, e indireta, ao ajudar na manutenção da capacidade financeira de 150 mil empresas, que empregam mais de 2 milhões de pessoas. O presidente do banco destacou que o valor das medidas é quase igual ao total desembolsado no ano passado pelo BNDES, de R$ 60 bilhões.


quinta-feira, 26 de março de 2020

TSE MANTÉM PRAZOS DE FILIAÇÃO PARA AS ELEIÇÕES 2020


Rosa Weber, presidente do TSE, descarta adiamento da eleição municipal, por enquanto.

Prazo de filiação partidária
Também submeti à apreciação do tribunal na última sessão plenária (19/3) pedido de parlamentar no sentido de prorrogação do prazo de filiação partidária fixado na Lei Eleitoral (lei 9.504/1997). O colegiado deliberou unanimemente pelo indeferimento em se tratando de prazos previstos na legislação vigente, o que serve de norte para temas correlatos.
Adiamento das eleições municipais
Quanto ao adiamento das eleições municipais 2020, entendo cuidar-se de debate precoce, não sendo demais repisar que tem como objeto matéria prevista expressamente no texto constitucional e na legislação infraconstitucional.

Roberta Close embarcou na último domingo de volta para a Suíça.


A ex-modelo transexual, sucesso nos anos 80 e 90, esteve no Rio para visitar a família e teve que retornar às pressas para a casa, em meio à pandemia de coronavírus e antes que os portos comecem a ser fechados. 
Com 8,5 milhões de habitantes, a Suíça é o quinto país da Europa onde o vírus se espalhou mais rapidamente e já são 2.200 casos registrados.
Na semana passada, o governo suíço decretou  um estado de "situação extraordinária" e o fechamento de todos os estabelecimentos comerciais, de entretenimento ou considerados não essenciais e espaços públicos como parques durante as próximas cinco semanas, para frear a propagação do coronavírus.
A Suíça também é o destino de vários bacabalenses 🇧🇷 que decidiram se mudar para aquele país nas décadas de 80 e 90.  Roberta Close se mudou para a Suíça há 26 anos com o marido, o empresário suíço Roland Granacher.

quarta-feira, 25 de março de 2020

OAB Maranhão cobra Banco do Brasil para liberação de alvarás.

APÓS ATUAÇÃO DA OAB MARANHÃO BANCO BRASIL RETOMARÁ PAGAMENTO DE ALVARÁS JUDICIAIS PARA ADVOCACIA




Veja a nota da OAB/ MA. 
m relação às informações sobre que o Banco do Brasil não estaria efetuando o pagamento de alvarás judiciais e RPV’s para advogadas e advogados, a OAB Maranhão, por meio de sua Comissão de Assistência, Defesa e Prerrogativas dos Advogados, vem informar que já recebeu várias denúncias e que está atuando no sentido de reverter essa situação o quanto antes.
Na manhã de hoje, 24, o presidente da Comissão de Prerrogativas da OAB Maranhão, Everardo Júnior, já esteve em contato com o Superintendente Estadual do Bando do Brasil, Evandro Souza Mendes, que se mostraram sensíveis a essa situação e estarão trabalhando, entre hoje e amanhã, na busca por uma solução para essa situação que atinge toda a advocacia que poderá ser por meio de atendimento remoto com um canal exclusivo ou, possivelmente, a disponibilização de uma agência específica para o atendimento dessas demandas da classe advocatícia.
Tal qual atuou junto à Caixa Econômica Federal, a Comissão de Prerrogativas da OAB Maranhão, já adiantou as tratativas com o Banco do Brasil e espera, em breve, por mais uma resolução favorável para a advocacia maranhense.
Contamos com a compreensão de todos nesse momento delicado, mas asseguramos que trabalho em defesa das prerrogativas da advocacia maranhense continuam.
São Luís (MA), 24 de março de 2020.
Comissão de Assistência, Defesa e Prerrogativa dos Advogados.

NA CONTRAMÃO.

Roberto Rocha demonstra apoio à pré-candidatura de Dr. Linaldo para a prefeitura de Bacabal.

Enquanto todos discutem se é possível a realização de eleições em 2020 por conta da pandemia de Covid-19, o senador Roberto Rocha lançou o advogado Linaldo Albino como candidato à prefeitura de Bacabal.

O que ainda não se sabe é se a candidatura será alinhada à oposição ou se o senador continuará a apoiar o governo municipal, prejudicando a oposição de Bacabal. 

Bolsonaro assinou MP sem ler por "confiança" em Guedes


O presidente Jair Bolsonaro ficou "muito irritado" ao saber, na manhã de segunda-feira (23) que uma redação "equivocada" do artigo 18 da Medida Provisória 927 definiu a suspensão do contrato de trabalho, por até quatro meses, sem pagamento de salário. 

Nessa eu preciso defender o presidente. Nenhum governante fica lendo questões técnicas dos projetos elaborados por seus assessores.

O trecho da Medida Provisória 927 que permite a suspensão de contratos de trabalho e do pagamento de salários por 4 meses — revogado horas de sua publicação — deve voltar numa próxima MP que está sendo preparada pela equipe econômica e que reúne medidas com impacto no orçamento da União, segundo Bruno Bianco, da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho.

Minha dúvida é se foi uma redação equivocada ou um ato pensado da equipe econômica contra os trabalhadores brasileiros, aproveitando o momento de pandemia do novo coronavírus.


JUSTIÇA AINDA TRABALHA . SEGUE AS INVESTIGAÇÕES CONTRA BOLSONARO NA ALERJ.


O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro liberou nesta segunda-feira (23) as investigações sobre suposto esquema de 'rachadinhas' envolvendo o senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro

Com a decisão, o Ministério Público Estadual pode retomar as apurações sobre supostos desvios no gabinete do então deputado estadual na Assembléia Legislativa do Rio (Alerj).

RELEMBRE AS MATÉRIAS NÓS LINKS ABAIXO:

Caso Queiroz

Um cara de pau.

terça-feira, 24 de março de 2020

UMA ABERTURA HISTÓRICA NO JN.


O principal telejornal do país, o 'Jornal Nacional', da TV Globo, começou com William Bonner pedindo calma aos brasileiros diante do aumento dos números de casos do novo coronavírus, o covid-19.

O âncora do principal jornal destacou que ele e todos os colegas de trabalho também estão com medo de adoecer, por não estarem confinados, mas salientou que o principal compromisso é com a informação.

"Antes de falar sobre as notícias de hoje, a gente vai fazer uma pausa, porque é muita informação o tempo todo sobre o coronavírus. A gente fica repetindo um para o outro aqui: calma”, iniciou ele.

O editor-chefe do noticiário ainda destacou a importância de pararmos para refletir diante de tudo. “A gente precisa respirar, precisa entender que essa crise vai ter altos e baixos. Vai exigir sacrifícios, mas no fim o Brasil e o mundo vão superar, apesar da aflição e a da dor que muitas famílias estão enfrentando", destacou.

Renata Vasconcellos também falou sobre a importância do trabalho de tantas outras pessoas que não podem ficar em quarentena. “Alguns profissionais não podem parar. Isso vale para os profissionais de saúde, mas também para quem recolhe o lixo nas ruas, os policias, para quem faz manutenção das redes elétricas e muitos outros", afirmou.

Por fim, eles comentam a decisão da TV de suspender programas de entretenimento e aumentar o tempo do jornalismo. “Foi para levar essa informação necessária sem correria. Para você saber como agir para se proteger. E claro que a gente também tem medo de adoecer, aqui não tem super-herói, nem entre nós nem entre colegas de outras categorias", disse Bonner.

No Twitter os espectadores celebraram o momento. “Precisamos disso, que alguém em rede nacional como os apresentadores do ‘Jornal Nacional’ fizeram. O povo merece um acolhimento, obrigada Bonner e Renata”, escreveu um admirador.

OAB DIZ NÃO A ESTADO DE SÍTIO.

Parecer da Ordem dos Advogados do Brasil classifica como inconstitucional “qualquer tentativa de decretação de estado de sítio em face da atual emergência do novo coronavírus”.
No documento, a OAB afirma que a medida “só serviria como instrumento de fragilização de direitos e de garantias constitucionais, sem qualquer utilidade e efetividade para fazer frente às reais demandas e desafios que a situação impõe ao país”.
Na sexta (20), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que a decretação do estado de sítio – que necessita de aprovação do Congresso Nacional – ainda não estava no “radar” do governo. “Mas seria o extremo isso aí, e acredito que não seja necessário", disse.
O parecer, assinado pelo presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, e pelo presidente da Comissão Nacional de Estudos Constitucionais da entidade, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, diz que houve a circulação de notícias de que a Presidência da República teria “solicitado de alguns ministérios parecer sobre eventual decretação de estado de sítio em razão da pandemia do coronavírus”.
O documento cita que o estado de sítio integra um conjunto de instrumentos excepcionais previstos pela Constituição e que não podem ser invocados “segundo o arbítrio de governantes autoritários”. “A excepcionalidade, que não pode se confundir com arbitrariedade, restringe o estado de sítio a situações absolutamente atípicas e anormais”, ressalta o texto.
O estado de sítio permite, entre outras medidas, o fim do sigilo de correspondência e de comunicações, a censura à imprensa, a suspensão da liberdade de reunião e a busca e apreensão em domicílios.
Em outro trecho, o parecer diz que a resposta esperada do Estado em relação à epidemia “não deve ser a ampliação de seu arsenal repressivo, mas sim a expansão de sua capacidade de assistência e de proteção social dos cidadãos, principalmente os mais vulneráveis”.

segunda-feira, 23 de março de 2020

DECRETO MUNICIPAL DETERMINA FECHAMENTO DE BARES E RESTAURANTES EM BACABAL


O decreto é bom e necessário, mas não há nenhuma manifestação de apoio aos pequenos comerciantes que precisam da sua venda diária para o sustento próprio e da família. 

O papel do governo municipal não pode ser simplesmente o de fechar todos os comércios, principalmente os pequenos, sem lhes oferecer uma renda mínima como alternativa.

Veja o Decreto completo no Blog do Abel Carvalho.

Outra preocupação é o nosso sistema de saúde que é extremamente precário, mas nossos servidores da saúde são verdadeiros heróis e podem proteger nossa população nesses dias difíceis. 

domingo, 22 de março de 2020

‘Não vai haver fechamento de aeroportos', diz ministro da Infraestrutura.

Tarcísio de Freitas afirmou que transporte aéreo será essencial para enfrentar crise gerada pelo coronavírus. Decisão do governo do Rio, de fechar aeroportos no estado, não tem validade, disse.


Por Fábio Amato, G1 — Brasília

ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse nesta sexta-feira (20) que o fechamento de aeroportos não fará parte da estratégia do governo para enfrentar a crise gerada pela pandemia do coronavírus. 

Freitas fez a declaração em entrevista à GloboNews. De acordo com ele, a manutenção do transporte aéreo será essencial para o abastecimento de produtos no país, desde alimentos até equipamentos médicos que serão usados no socorro a doentes.

OPINIÃO DO BLOG 

Temos que ter bom senso. A população precisa entender que o distanciamento social é uma regra dos novos tempos, mas as autoridades precisam entender que não é possível paralisar todas as atividades que nos fizeram civilizados.

Podemos ficar sem passeios no shopping, sem bares e restaurantes, mas não podemos ficar sem compras, sem consumo de alimentos ou produtos de higiene e limpeza. 

O comércio precisa funcionar, mesmo que com acesso limitado dos clientes, a fim de manter o distanciamento social. É possível sim e é um dever das autoridades constituídas.


Governo estuda logística para restringir circulação; ministro da Infraestrutura explica

O Brasil elegeu um presidente e recebeu um eterno candidato.

O que o presidente deveria estar fazendo: -Coordenando o combate à pandemia -Defendendo a Lava Jato -Trabalhando nas reformas estruturais e ...