12 setembro 2021

Nossos Inimigos (Canto Geral)


Por  estes  mortos,  nossos  mortos, peço  castigo. 

Para  os  que  salpicaram  a  pátria  de  sangue, peço  castigo. 

Para  o  verdugo  que  ordenou  esta  morte, peço  castigo. 

Para  o  traidor  que  ascendeu  sobre  o  crime, peço  castigo. 

Para  o  que  deu  a  ordem  de  agonia, peço  castigo. 

Para  os  que  defenderam  este  crime, peço  castigo. 

Não  quero  que  me  deem  a  mão empapada  de  nosso  sangue. Peço  castigo. 

Não  vos  quero  como  embaixadores, tampouco  em  casa  tranquilos, quero  ver-vos  aqui  julgados, nesta  praça,  neste  lugar. 

Quero  castigo. 

Pablo  Neruda.

 

Nenhum comentário:

CONCILIAÇÃO ITINERANTE EM BOM LUGAR.

 O  Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), por meio do projeto Conciliação está oeferencendo um serviço itinerante para  a população de Alt...