sábado, 30 de novembro de 2019

A TURMA DO GÁS.

Apelidados de “A turma do gás” pelo grupo governista, em uma tentativa de criar um tom pejorativo à imagem do jovem Expedito Júnior, o tiro parece ter  saído pela culatra.

Com todo gás, a Secretaria Estadual de Indústria, Comércio e Energia (Seinc), onde  Expedito ocupa atualmente o cargo de subsecretário, anunciou investimentos da ordem de R$ 90 milhões, através da empresa de energia ENEVA , que será destinado para uso de industrial e veicular, a partir do campo de Morada Nova, em Bacabal.

Agora só resta ao prefeito Edvan Brandão aceitar que a turma do gás está pronta para ajudar Bacabal ou então assustar os investidores de Bacabal, prejudicando o povo. 

O jovem advogado assumiu  o apelido e passa a figurar como única proposta viável para combater o uso eleitoreiro da máquina pública em Bacabal.

Certamente, a contrapropaganda nos  grupos de WhatsApp vai haver, mas a proposta de mais empregos e novas oportunidades é tudo que nossa população está esperando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui. Sua opinião é importante e ajuda a formar a consciência coletiva.

Na PGR, associação de povos indígenas denuncia Bolsonaro por racismo Em live, presidente disse que " cada vez mais, o índio é um ser...