Este blog tem por objetivo apresentar fatos sob a ótica de seu idealizador, permitindo a todos um espaço para livre manifestação de pensamento.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

NOSSO POBRE FUTEBOL MILIONÁRIO.

Noventa minutos separam três clubes brasileiros de uma vaga na semifinal da Libertadores.
Além de se aproximar do principal título da América do Sul, Santos, Grêmio e Botafogo ainda têm a chance de ficar R$ 4 milhões mais ricos com os confrontos desta noite – o Peixe recebe o Barcelona-EQU podendo empatar em 0 a 0, enquanto gremistas e botafoguenses se enfrentam no Sul depois de um 0 a 0 no Rio.
O prêmio de R$ 4 milhões foi prometido pela Conmebol para os quatro semifinalistas da Libertadores. Tal quantia, por exemplo, cobre um mês de salários do Botafogo, que gasta R$ 3,8 milhões com jogadores e comissão técnica. O elenco santista custa R$ 4,5 milhões mensais, enquanto o do Grêmio sai por R$ 7,2 milhões.
Em caso de sucesso nesta quarta-feira, os três últimos brasileiros vivos na competição ainda teriam a oportunidade de faturar mais R$ 9,4 milhões com o título ou R$ 4,7 milhões em caso de vice-campeonato.
O Botafogo é quem mais faturou com a Libertadores deste ano – como passou por duas fases da pré-Libertadores (o segundo e o terceiro mata-mata), o time carioca encheu seus cofres em R$ 13,6 milhões. Já Santos e Grêmio embolsaram R$ 11 milhões, cada.
PRÊMIOS PAGOS PELA CONMEBOL A CADA FASE:
– 1ª fase eliminatória: R$ 780 mil
– 2ª fase: R$ 1,3 milhão
– 3ª fase: R$ 1,3 milhão
– fase de grupos: R$ 5,6 milhões
– oitavas de final: R$ 2,4 milhões
– quartas de final: R$ 3 milhões
– semifinal: R$ 4 milhões
– vice-campeão: R$ 4,7 milhões
– campeão: R$ 9,4 milhões

Nenhum comentário: