31 de maio de 2023

MULHER CRISTÃ DIGA NÃO À SUBMISSÃO.

O deputado federal Deltan Dallagnol (Podemos-PR) se mostrou na contramão da história no programa Roda Viva (TV Cultura) ao interpretar um trecho de Efésios, uma das obras do Novo Testamento.

 Versículos bíblicos mostram que “dentro do lar existe uma liderança do homem sobre a mulher”, disse o deputado. Em pleno século 21, o parlamentar se mostra alienado do mundo em que vive e diz que as mulheres devem se deixar subjugar por seus parceiros.  

O perigo de uma pessoa pública levantar esse debate é que palavras realmente estão na Bíblia. Mas, como quase tudo quando se trata de interpretar os livros sagrados do cristianismo, há mais de uma interpretação para o versículo fartamente usado para justificar visões machistas sobre o papel de cada gênero na sociedade.

“Não importa se você concorda ou não, se eu concordo ou não, importa que está na Bíblia e isso feriria aquela cláusula específica de igualdade de gênero”, afirmou o parlamentar à espera de uma cassação já selada pela Justiça Eleitoral.

Vou repercutir aqui as falas de Dallagnol já dizendo que faço em nome da liberdade religiosa, mas sou contra o fanatismo e acho que pessoas públicas deveriam ter  responsabilidade nas repercussões de seus atos.

Segundo o ex-procurador da Lava Jato, “as mulheres sejam submissas ao seu próprio marido, como ao Senhor”, uma vez que “o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja”.

A ideia de que Deus quis mulheres subordinadas é acionada, inclusive, para lhes negar papéis de liderança em templos cristãos -caso de católicas proibidas de comandar missas e evangélicas excluídas do pastoreio. CUIDADO mulheres cristãs. Não abram mão de sua liberdade e de seus direitos em favor de FANÁTICOS que acreditam serem superiores.

Vejam o absurdo que alguns ditos “pastores” estão pregando e as mulheres estão acreditando:

Essa leitura se estende a Gênesis, o primeiríssimo dos livros bíblicos, argumentam os arautos da superioridade masculina. Se Deus visse os dois gêneros como iguais, por que criou primeiro Adão, e de sua costela formou Eva? 

Foi a mulher seminal, aliás, quem cedeu à tentação da serpente e primeiro mordiscou o fruto proibido, para depois oferecê-lo a seu companheiro no Éden. Como castigo, Deus lhe deu dores no parto, infortúnio estendido a todas as mães do mundo. Também determinou que Eva desejasse o marido e fosse por ele dominada.

Esse tipo de argumento deve ser repelido e ser tratado como PRECONCEITO de gênero. Denunciem a todos que tentarem propagar esse tipo de pensamento sexista.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui. Sua opinião é importante e ajuda a formar a consciência coletiva.

MP INVESTIGA ❓

GAECO NÃO CHEGA EM BACABAL.  Já faz algum tempo o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) deflagrou a Operaç...